Liga recusa ceder jogadores à selecção nacional

A Liga Desportiva de Maputo não cedeu os seus três jogadores, nomeadamente Sonito, Bheu e Elias, que tinham sido convocados para os trabalhos da selecção nacional que este fim-de-semana defronta a sua congénere do Togo, em partida de carácter amigável.
Através de um comunicado que tivemos acesso, o clube explica que a razão tem a ver com a demora no envio da carta de convocatória de jogadores para a selecção nacional e, ainda, no facto de a Liga Moçambicana de Futebol não ter atendido ao seu pedido de adiamento da final da Taça por ter três jogadores nos Mambas. Leia na íntegra o comunicado. “A Liga Desportiva de Maputo disputa, no próximo fim-de-semana, a final da Taça da Liga. No entanto, a LDM vai para este encontro desfalcada, em virtude da convocação de três jogadores para a selecção nacional, dois castigados e outros dois lesionados. A respeito dos convocados, é de domínio público que os regulamentos defendem que uma equipa que tem mais de dois atletas na selecção não pode disputar jogos oficiais. Aliás, é também sabido por todos que a partir desta época, a Taça BNI passou a ser uma prova oficial. Foi com base neste argumento que a LDM pediu às entidades competentes o adiamento da final da Taça da Liga, nomeadamente por não haver condições regulamentares para a sua disputa. No entanto, esta solicitação não mereceu apreciação positiva por parte dos organizadores da prova, que insistem em que a LDM deve disputar esta partida mesmo indo contra o regulamento.

Adiante, o Regulamento de Transferência de Jogadores, no seu anexo 1, concernente à chamada de jogadores para as selecções, no segundo parágrafo do artigo 3 estipula que a federação deve, com a devida antecedência de
15 dias antes da data-FIFA (03 de Outubro), enviar uma carta ao clube a que pertence o atleta convocado. Sucede, porém, que a convocatória para o jogo contra o Togo deveria ter sido comunicada ao clube e aos atletas até às 23h59 do dia 18 de Setembro, tendo a mesma sido enviada pela FMF a 30 de Setembro, portanto, a 3 dias do arranque da semana-FIFA, a LDM viu-se obrigada - A não ceder os seus atletas convocados para o jogo amigável dos ‘Mambas’, coincidentemente agendando para o mesmo fim-de-semana da disputa da final da Taça da Liga, para que possa estar minimamente representado no jogo da final da Taça BNI, em manifesta defesa da legalidade e da transparência que se exige das competições profissionais. Sem mais, a LDM reitera “que o desporto seja sempre uma escola de amizade”.
Liga recusa ceder jogadores à selecção nacional Liga recusa ceder jogadores à selecção nacional Reviewed by Redacção on 6:30:00 PM Rating: 5
Powered by Blogger.